Páginas

quarta-feira, 21 de novembro de 2012

A Elegância do Comportamento


Existe uma coisa difícil de ser ensinada e que, talvez por isso, esteja cada vez mais rara: a elegância do comportamento.

É um dom que vai muito além do uso correto dos talheres e que abrange bem mais do que dizer um simples obrigado diante de uma gentileza.


É a elegância que nos acompanha da primeira hora da manhã até a hora de dormir e que se manifesta nas situações mais prosaicas, quando não há festa alguma nem fotógrafos por perto.

É uma elegância desobrigada.


É possível detectá-la nas pessoas que elogiam mais do que criticam.


Nas pessoas que escutam mais do que falam.


E quando falam, passam longe da fofoca, das maldades ampliadas no boca a boca.


É possível detectá-las nas pessoas que não usam um tom superior de voz.


Nas pessoas que evitam assuntos constrangedores porque não sentem prazer em humilhar os outros.


É possível detectá-la em pessoas pontuais.


Elegante é quem demonstra interesse por assuntos que desconhece, é quem cumpre o que promete e, ao receber uma ligação, não recomenda à secretária que pergunte antes quem está falando e só depois manda dizer se está ou não está.


É elegante não ficar espaçoso demais.


É elegante não mudar seu estilo apenas para se adaptar ao de outro.


É muito elegante não falar de dinheiro em bate-papos informais.


É elegante retribuir carinho e solidariedade.


Sobrenome, jóias, e nariz empinado não substituem a elegância do gesto.


Não há livro que ensine alguém a ter uma visão generosa do mundo, a estar nele de uma forma não arrogante.


Pode-se tentar capturar esta delicadeza natural através da observação, mas tentar imitá-la é improdutivo.


Educação enferruja por falta de uso.


"LEMBRE-SE de que colheremos, infalivelmente aquilo que houvermos semeado.

 

Se estamos sofrendo, é porque estamos colhendo os frutos amargos das sementeiras errôneas. Fique alerta quanto ao momento presente. 

Plante apenas sementes de sinceridade e de amor, para colher amanhã os frutos doces da alegria e da felicidade. Cada um colhe, exatamente, aquilo que plantou."

Martha Medeiros 



Martha Medeiros é muito boa, não é mesmo? Afinizo muito com a sua maneira de pensar. E esta crônica eu achei o máximo! Não existe elegância maior do que a educação, nunca nos esquecendo de que colhemos o que plantamos...
Bom amigos, quero deixar registrado aqui, que estou muito feliz, pois realizei mais um sonho! Coquistei o carro que eu sempre quis, depois de muito sacrifício e revezes. Quando a gente acredita, corre atrás, tem fé, planta...a gente colhe! E eu posso dizer que tenho colhido os frutos de todo o meu esforço. A partir do momento em que eu acreditei em mim, na minha capacidade, eu cresci. E sou muito, muito grata à Deus por tudo, sou grata à minha família, que é maravilhosa, aos meus amigos, que são meus tesouros, pois sem essas pessoas no meu caminho, eu não teria conseguido vencer muitos dos obstáculos por que passei. É assim, a gente vai mantendo a elegância, retribuindo sempre com o bem, espalhando o amor, disseminando a paz, desejando o melhor para todos...o importante é sempre manter a simplicidade, sabendo que tudo é passageiro nesta vida, só o que é permanente são os nossos valores e sentimentos, aquilo que somos e conquistamos interiormente, o nosso crescimento!! O resto, passa...
Beijos da Mari!!♥
 

12 comentários:

✿ chica disse...

Esse texto da Martha, como sempre , é lindo demais e cheio de verdades! E fico feliz pela tua merecida conquista! Parabéns! beijos,tudo de bom,chica

luna luna disse...

ache que tem tanto de elegância como de respeito pelos outros
beijos

Pepi, Xixo, Juja, Jujuba disse...

Que texto maravilhoso, Mari
Parabéns pela escolha
Beijinhos mil de
Verena e Bichinhos

Ailime disse...

Mari, Deus coloca anjos no nosso caminho. Ao ler estes ensinamentos eu senti-me tão pequenina, porque são a resposta a muitas das minhas dúvidas.
Muito obrigada por partilhá los.
Fico feliz por ter conquistado um das coisas que desejava.Que Deus continue a abençoá-la. Bjs Ailime

Flor de Lótus disse...

Oi,Mari!Eu to bem sim e louca pra tomar outro chope ai contigo e que bom ser lembrada por ti.Acho que logo logo volto ai pra gente papear e tomar o nosso chope.
Nossa Martha é Martha né quando li a primeira linha já pensei esse texto é da Martha, conheço de longe,hihhih.E nossa conseguiu uma conquista e tanto em ter o carro dos teus sonhos que delícia esse é meu maior sonho para 2013,se bem que a lista de sonhos para realizar em 2013 é imensa.Beijossss

Leonice disse...

Texto maravilhoso de Martha Medeiros e concordo com voce, "não existe elegância maior que a educação".
Parabéns querida pela tua conquista, fiquei feliz por voce!
Um carinhoso abraço e muita paz.

Zilani Célia disse...

OI MARI!
TAMBÉM ADOREI ESTE TEXTO.
ACHO QUE A ELEGÂNCIA,ESTA DA QUAL ESTAMOS FALANDO, ESTÁ DIRETAMENTE LIGADA Á EDUCAÇÃO.
NESTE MOMENTO EM QUE VEMOS JOVENS QUE NÃO ESTÃO RECEBENDO ORIENTAÇÃO QUANTO AS DIFERENÇAS, DE QUALQUER TIPO, SEJA DE RAÇA, IDADE, HIERARQUIA, NO FUTURO SERÁ BEM MAIS DIFÍCIL ENCONTRARMOS PESSOAS COM ESTA ELEGÂNCIA DO TEXTO.
ABRÇS

zilanicelia.blogspot.com.br/
Click AQUI

Renata Diniz disse...

Ei Mari! Eu gosto muitíssimo dos textos de Martha Medeiros também. E esse é um luxo só. Peço sempre a Deus que me capacite a ser cada dia mais elegante, discreta e generosa. Beijos e meu carinho, grande.

Kellen Bittencourt disse...

Oii Mari, que bacana ter conquistado o carro que queria, parabéns pelo esforço e pela conquista, muito bom estar aki p compartilhar desta alegria! E adorei o texto da Martha e toda sua elegância! Bjooosss

La Gata Coqueta disse...


Un esplendido fin de semana te deseo, al calor de la familia y amigos que son el soporte que hacen posible que la vida continúe en armonía irradiando felicidad.

Te doy un suave abrazo
bajo la bruma del silencio,
para hacerte llegar
el roce del afecto.

Atte.
María Del Carmen



Vivian Fernandes de Goes disse...

Bom dia,Mari!!

Que lindo este seu blog também! mas bah!Que falha a minha não ter vindo antes!!Desculpe,tá?! Mas na correria...
Esta elegância está em falta! E precisamos urgentemente de pessoas assim,educadas,amigas,que respeitem o outro, sintam compaixão...
Beijos!

Tina Bau Couto disse...

AMO OS TEXTOS DE MARTHA.
Não tinha lido esse ainda, perfeito!
Obrigada por suas postagens sempre tão agregadoras e obrigada pelo seu carinho :)
Beijos e fica com Deus!